Pesquisar
»Cientistas americanos comprovam que uma taça de vinho tinto combate células de gordura e ajuda no emagrecimento
Uma taça com cerca de 80 calorias segura o ponteiro da balança por causa de uma substância chamada piceatano que retarda a geração de células jovens de gordura e as impede de se transformar em células maduras. Aproveite!

Está aberta a temporada de jantares a dois embalados pelo vinho. A novidade é que, além de fazer bem às noites românticas, também ajuda a afinar a silhueta. Como? Essa bebida segura o ponteiro da balança por causa de uma substância chamada piceatanol. Ela retarda a geração de células jovens de gordura e as impede de se transformar em células maduras. Essa conclusão é de um estudo feito por cientistas da Universidade de Purdue, nos Estados Unidos, divulgada na revista Nova.

Outra pesquisa, realizada ao longo de 13 anos pelo Women´s Hospital Boston, também nos Estados Unidos, com 19.200 americanas, comprovou que mulheres que consomem uma taça de vinho tinto por dia engordam menos que as que não bebem.

O vinho tem compostos bioativos, como o resveratrol, molécula presente na casca de uvas pretas e rosadas (procure por cabernet, sauvignon, merlot, syrah e carménère no rótulo), que previne doenças cardiovasculares e tem efeito anti-inflamatório. Uma taça ao dia, cerca de 80 calorias, é a medida. Mais do que isso, aí sim poderá comprometer sua dieta. Moderação é tudo.

Você também pode usar o vinho em algumas receitinhas. Experimente um copo de vinho quente ou então esta sangria com laranja. São delícias do MdeMulher. Tim-tim!

Reportagem de Daniela Venerano para a revista Nova

 

Todos os direitos reservados a Vinícola Ametista - de Ametista do Sul/RS | Webmail | Área Administrativa | Desenvolvimento Lifesite